Dead Rising

Frank West, um fotojornalista autônomo, em busca do furo de reportagem da sua vida, vai atrás de uma pista muito quente que o leva até uma pequena cidade nos subúrbios. Lá, ele descobre que o lugar foi tomado por zumbis! Ele foge para o shopping center local achando que estaria seguro, mas lá acaba encontrando de tudo, menos segurança. É uma verdadeira luta para sobreviver contra uma onda sem fim de inimigos, mas tendo um shopping center inteiro à sua disposição, Frank pode utilizar o que quiser para combater a multidão faminta e buscar a verdade sobre a horrível epidemia. Este jogo de ação e horror traz um novo sentido à frase “inferno a varejo”. Dead Rising usa um sistema dinâmico em tempo real, onde o relógio anda independente de Frank estar parado em algum lugar ou fazendo algo ativamente. Por exemplo: embora eles andem devagar durante o dia, zumbis tornam-se mais fortes e mais rápidos quando o sol se põe, fazendo com que a sobrevivência à noite fique mais difícil. Multidões de zumbis surgem em ondas intermináveis e consistem em uma população variada. Estes ex-humanos ainda têm alguma memória de suas vidas passadas, que reflete em seus comportamentos e aparências. A variedade de lojas no shopping oferece um estoque inesgotável de recursos, como veículos, armas improvisadas e muito mais. Outros sobreviventes são encontrados no caminho e ao serem ajudados, eles podem fornecer pistas valiosas sobre o que aconteceu.